*RAINDROP*

*RAINDROP*

Atividades

Emalcas

2009 

2010

2011

 

Cooperação Científica com a América Latina, com Foco na América do Sul

 

 O Projeto do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Matemática - INCTMat, Avanço Global e Integrado da Matemática Brasileira,  promoverá um grande avanço da colaboração científica em matemática do Brasil com os países da América Latina, com foco na América do Sul incluindo Uruguai, Argentina, Chile, Peru, Colômbia, Venezuela, México e Cuba, assim como países relativamente menos desenvolvidos cientificamente, dentre eles Paraguai, Bolívia.

 O projeto INCT-AGIMB promoverá as seguintes ações específicas, que deverão contribuir substancialmente para a consolidação e a expansão da cooperação da comunidade matemática brasileira com as dos países vizinhos:

  •  Missões tutoriais de matemáticos brasileiros, de nível introdutório, dirigidas a jovens alunos de graduação dos países da Região, especialmente para países relativamente menos desenvolvidos cientificamente da América do Sul e também alguns países da América Central e Caribe. Um dos principais objetivos é o de descobrir jovens talentos que possam fazer estudos pós-graduados nas melhores instituições nacionais;
  •  Missões tutoriais de matemáticos brasileiros, de nível avançado, dirigidos a alunos de final de graduação e pós-graduação e pesquisadores. Um dos principais objetivos é o de descobrir jovens talentos que possam fazer o doutorado nas melhores instituições nacionais;
  • Visitas de pesquisadores latino-americanos ao Brasil para colaborar com pesquisadores nacionais em projetos e tópicos de pesquisa e participar em congressos/workshops e programas de pós-doutorado nacionais.

 Ações Específicas Planejadas pelo INCT-AGIMB:

·   Promover 6 Escolas Tutoriais Introdutórias na América do Sul e 3 outras na América Central e Caribe, em parceria com a UMALCA e o Projeto Prosul do Ministério da Ciência e Tecnologia-CNPq. Para os próximos 5 anos, teremos 9 Escolas tendo lugar na América do Sul e 5 outras na América Central e Caribe;

·  Promover pelo menos 1 Escola Tutorial Avançada por ano na América do Sul, particularmente no Peru, Uruguai, Argentina;

·   Participar da promoção do 3º Congresso Latino Americano de Matemática, a mais importante reunião científica de caráter abrangente da matemática na América Latina, a ter lugar em Santiago do Chile em 2009;

·   Participar da promoção do 4º Congresso Latino Americano de Matemática, a ter lugar em um dos países da América do Sul em 2013;

Assinala-se que as diversas atividades promovidas ou compartilhadas pela comunidade matemática brasileira na América do Sul colaboraram de forma expressiva para o avanço da matemática em diversos países da América do Sul, especialmente no caso do Peru, com a instalação, por sua própria Sociedade e Governo, do Instituto de Matemática e Ciências Afins, IMCA, em Lima, destinado à pesquisa e formação de novos pesquisadores. Há também progressos sensíveis no Paraguai, onde deverá instalar-se, dentro em breve, um programa de Mestrado em matemática. Assinala-se também que vários jovens talentosos da Bolívia, selecionados em cursos introdutórios promovidos por pesquisadores brasileiro, têm se dirigido à cursos de pós-graduação no Brasil tendo vários deles obtidos mestrado e doutorado com distinção.